.

CAMINHOS DO AUTISMO

Aqui você poderá discutir assuntos relacionados ao AUTISMO, conhecer seu histórico, métodos de tratamento, estudar casos, compartilhar experiências, tirar dúvidas e se atualizar.

Pergunte o que desejar.
CAMINHAREMOS ATÉ A RESPOSTA!

Pesquise o Autismo

Loading
Related Posts with Thumbnails

segunda-feira, 14 de junho de 2010

ARTIGO CIENTÍFICO: AUTISMO- BREVE REVISÃO DE DIFERENTES ABORDAGENS

Indico este artigo científico por ser muito esclarecedor quanto às abordagens do estudo autismo. Escrito por uma das autoras que mais me utilizo para estudo.

Clique no nome do artigo para acessar o texto completo.

Bom início de semana para todos e lembrem-se:
ESTUDAR SEMPRE!!!!

Cleonice Bosa
Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Maria Callias
Institute of Psychiatry – University of London, Inglaterra

O artigo examina diferentes abordagens no estudo do autismo: psicanálise, teoria afetiva, teoria da mente, teorias neuropsicológicas e de processamento da informação. As principais contribuições e limitações dessas abordagens são identificadas. Reivindica-se a necessidade de integração dos diferentes domínios e de investigações que incluam tanto as deficiências quanto as competências sociais dos indivíduos com autismo. Isso auxiliaria no reconhecimento das diferenças individuais ao longo do continuum autista.
Palavras-chave: Autismo; revisão; diferentes abordagens.
Cleonice Bosa é Psicóloga, especialista em Psicopedagogia Terapêutica, Mestre e, Pscologia  do Desenvolvimento pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul e PhD em Pscologia pelo Instituto de Psquiatria, Universidade de Londres, Professora do PPG em  Psicologia do Desenvolvimento e da Personalidade da Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Maria Callias é BA (Hons.), MA. MSC, PHd, em Psicologia Clínica, Professora e Psicóloga Clínica do Instituto de Psquiatria, University of London e Moudsley Hospital (até 1995). Atualmente, Chefe do Departamento de Psicologia Clínica da Infância e da Adolescência do St. George's Hospital, Londres, Inglaterra.

Nenhum comentário:

Postar um comentário